Como você apresenta suas ideias aos clientes? Aprenda com o gênio

Mais do que ter uma boa ideia é preciso convencer o público de que ela realmente é especial. Em um projeto de logotipo, por exemplo, a apresentação ao cliente é uma etapa muito importante. Há designers que apelam para a impessoalidade e simplesmente enviam os modelos por e-mail ou WhatsApp. Os mais cuidadosos costumam elaborar um documento em PDF ou impresso e sentem a necessidade de mostrar pessoalmente ao cliente.

Paul Rand se tornou mundialmente conhecido pelo seu talento em desenvolver projetos de identidade visual. Como será que ele apresentava suas marcas aos clientes?

O site Logo Design Love respondeu a essa dúvida com informações muito interessantes. Eles resgataram a edição 153 da revista Graphis (1971/72), em que Stanley Mason escreveu um artigo chamado “How Paul Rand Presents Trade-Mark Designs to Clients” (Como Paul Rand apresenta o design de marca para os clientes).

Em um dos trechos da matéria é possível perceber a preocupação na época com os elementos que tornam uma marca eficaz como o fato dela ter que marcar na memória do público e se adaptar aos diferentes formatos existentes nos meios de comunicação.

“O design de uma marca torna-se, assim, um empreendimento da acuidade mais rigorosa. Tal marca “deve ser distintiva, memorável e refletir de alguma maneira, ainda que abstrata, a natureza do produto ou serviço que representa. Além disso, deve ser prático e facilmente adaptável a uma variedade de aplicações. Deve ser reproduzível em uma ou duas cores, de forma positiva e inversa, e em tamanhos tão grandes quanto a lateral de um prédio e tão pequenos quanto, ou menores, que os cartões telefônicos. ”

A matéria de Stanley Mason sobre Paul Rand.

Segundo Stanley Mason, Paul Rand apresentava suas marcas em grandes folhetos de 20 a 40 páginas que eram oferecidos a um grande número de executivos da empresa. Ele evitava apresentações multimídia e acreditava que ‘designers gráficos são realmente vendedores silenciosos’. Assim, o logotipo deveria convencer por sua singularidade e qualidade.

Abaixo é possível conferir algumas páginas do projeto para a Ford (1966) e para a empresa NeXT de Steve Jobs.

Croove
Siga!

Croove

Agência de Design em Croove Creative Move
O Croove é um espaço para a livre expressão da criatividade

Somos uma Agência de Design do Rio de Janeiro. Esse é um espaço onde estudantes e profissionais de áreas como artes, comunicação e design podem aprimorar sua criatividade e talento, buscando inspirações diárias em artigos, tutoriais e materiais para download. Um dos principais objetivos do Croove é criar um canal de comunicação com diferentes públicos.
Croove
Siga!